Agende Sua Avaliação

Pesquisar este blog

Localização

Nova Marca Orthodontic

quarta-feira, 15 de março de 2017

Você conhece as estruturas do seu aparelho ortodôntico?



Começar a usar aparelho ortodôntico pode parecer assustador para muita gente, afinal, só de imaginar ter que conviver com todos aqueles acessórios dentro da boca causa um frio na barriga. Mas entender a importância desse tratamento é essencial para que tudo vá bem. E quanto aos acessórios, cada um tem sua importância e função para um resultado satisfatório. Para te deixar mais tranquilo, convidados o ortodontista Marcos de Borba para explicar sobre cada um deles.

OS BRÁQUETES

Segundo o especialista, essa é a peça mais importante do aparelho ortodôntico. O bráquete é colado com resina composta bem na superfície do dente. Essa parte é o que vai fixar o fio ortodôntico, o ponto de aplicação de força, para alinhar a arcada. “O adequado posicionamento dos bráquetes vai possibilitar a movimentação ideal dos dentes”. Eles podem ser metálicos ou estéticos, com material de cerâmica ou safira. E por serem acessórios frágeis, o paciente precisa evitar alimentos mais crocantes para não atrasar o tratamento.

FIO ORTODÔNTICO

É o que pressiona e movimenta dentes. Os fios podem ser redondos, retangulares e quadrados, além de possuírem diferentes calibres (0,010 polegadas a 0,022 polegadas). Para cada fase do tratamento o paciente vai usar um tipo de fio. “No início utiliza-se fios mais leves, menos calibrosos. A medida que vai evoluindo o alinhamento, usamos fios mais calibrosos e rígidos”, explica Borba.

BORRACHINHAS

Elas dão cor e identidade ao seu sorriso metálico e possuem grande peso para o tratamento ortodôntico. As famosas borrachinhas ou ligaduras elásticas servem para fixarem os fios nos bráquetes. Elas podem ser coloridas e apresentam formatos diferentes, como de corrente para os dentes muito separados. Existem também as ligaduras metálicas, confeccionadas com fio metálicos. "Ultimamente, tem-se utilizado bráquetes autoligados que, como o próprio nome diz, dispensa o uso de ligaduras". Ou seja, o próprio braquete possui um clip que fixa o fio ortodôntico.

BANDAS

Elas têm um formato de anel e são encaixadas nos últimos dentes, os molares. As bandas servem para prender a parte final do fio ortodôntico. Os tubos possuem a mesma função, mas sua estrutura é colocada nos dentes, que nem os bráquetes. Muitos ortodontistas utilizam os anéis pela maior resistência durante a mastigação. Por outro lado, eles podem se soltar ou amassar com alimentos mais duros ou grudentos. “O maior cuidado deve ser com a higienização das bandas, pois tendem a reter mais placa, facilitando o aparecimento de cárie e tártaro”.

ELÁSTICOS

Eles são chatinhos, causam muita dor no início, mas ajudam na movimentação ortodôntica. “O uso adequado do elástico pode proporcionar um tratamento ortodôntico com mais rapidez e eficiência, desde que, seja utilizado com disciplina pelo paciente”. Esses elásticos possuem diferentes tamanhos e calibres, cada tipo possui uma indicação específica. Eles podem ser indicados para descruzamento ou fechamento de mordida e melhorar o encaixe entre as arcadas e os dentes.

Fonte : Sorrisologia 

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails