Agende Sua Avaliação

Pesquisar este blog

Localização

Nova Marca Orthodontic

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Sorriso em Dia » Não substime um dente inflamado

Durante o exame clínico o dentista encontra um dente com uma cárie grande. Ele então revela a você que remover a cárie e fazer a restauração não é suficiente: é preciso tratar o canal também. Você se espanta… “mas esse dente não está doendo, pra quê tratar o canal?”.  
Pois bem… o motivo é bem mais nobre: eliminar um foco de infecção do seu organismo. Um dente cariado, aberto, quebrado, cheio de tártaro em volta ou aquele “caquinho” de raiz que sobrou e está lá na sua gengiva servem como meio de entrada de bactérias no seu corpo. Muitas vezes a infecção fica por ali mesmo, mas acontece (e não é assim tão raro) de uma bactéria que costuma viver apenas nas nossas bocas aparecer em outros lugares do nosso organismo, provocando grandes danos:
  • No coração: pessoas que possuem doenças cardíacas congênitas (ou não) têm mais risco de desenvolver uma infecção grave, a endocardite bacteriana.A endocardite é causada pela bactéria Streptococus viridans, que se instala em certas áreas do coração.
  • Nas articulações: quando certas bactérias bucais se disseminam pela corrente sanguínea e atingem as articulações, podem causar uma doença chamadareumatismo articular agudo (artrite séptica), que causa muita dor e restrição de movimentos.
  • Nos pulmões: embora seja menos frequente, bactérias aspiradas pela boca podem infeccionar os pulmões e a faringe, causando até pneumonia.
  • Nos rins: as bactérias bucais que chegam aos rins podem causar nefrite, que é inflamação dos rins. Essa condição, por sua vez, é a causadora de inúmeros outros problemas renais.
E como as bactérias chegam em partes diferentes do nosso corpo? Pegando uma carona na corrente sanguínea, já que o sangue circula pelo corpo todo. Veja na ilustração abaixo:
Sangue = transporte público de bactéria
  • Um dente contaminado por bactérias é uma bomba relógio pronta para explodir.
  • Nunca subestime um dente “inflamado” / infeccionado, por mais que o problema pareça banal e que “dá pra deixar pra depois”. Já teve gente que morreu disso.
  • Higiene bucal não é frescura. É fundamental, diminui o número de bactérias ruins na sua boca e evita doenças. Aprenda a escovar os dentes!
  • Não ache estranho quando o dentista medica você e marca a extração daquele seu dente dolorido para outro dia. Não é preguiça de trabalhar, não… muitas vezes é preciso controlar a infecção antes para que o procedimento não coloque sua vida em risco.
  • Não pense que tratamentos de canal, restaurações e extrações só servem para fazer o dente parar de doer.
E se depois de tudo o que eu disse você ainda não acredita em mim, veja essa reportagem do Globo Repórterassista aqui
eu vi no Bem Paraná
'via Blog this'

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails